sábado, 21 de agosto de 2010

O desabafo de uma paraibana humilhada

Não dá para fecharmos os olhos diante do desespero de uma jovem mãe paraibana, a Adriana, que passou no concurso público, público, público, e não é nomeada.

Desespero de uma paraibana que estudou, estudou, estudou, e foi aprovada no concurso público para Agentes Penitenciários na Paraíba, porém, mesmo assim, é refém de uma política atrasada, retrógrada e desumana contra o funcionalismo público.
.
O que posso dizer mais ao escutar o desabafo da conterrânea Adriana: "Eu passei no concurso público no meu estado que eu amo. Não faça isso não".

É inaceitável o que está acontecendo com os mais de 1,4 mil Agentes Penitenciários paraibanos aprovados em concurso público no governo anterior, os quais não foram convocados, ainda, pela atual gestão estadual.

Não ficaria em paz com a minha consciência se não publicasse no blog este vídeo com o protesto dos Agentes Penitenciários no início desta semana, em frente ao Palácio da Redenção, na capital João Pessoa.

Cidadãos paraibanos que só querem trabalhar. Isso não basta, Paraíba? Isso não basta, governador?


Um comentário:

ROMENELLI disse...

É uma injustiça, esse governador acha que é dono dos cargos da Paraíba, aqui na minha cidade Taperoá todos os agentes penitenciarios são comicionados. Ele faz isso para segurar votos. Agindo assim vimos o que ele realmente é.

Clicky Web Analytics