sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Lula denuncia: Kassab boicotou Projovem do governo federal

O Presidente Lula disse nesta quinta-feira, 12, que a prefeitura de São Paulo, administrada por Gilberto Kassab do (DEM), não fez a inscrição de jovens no programa do governo Projovem, em 2008. "Depois que eu fiz uma crítica na TV, a prefeitura inscreveu (os jovens). Um outro município que também não inscreveu foi o Rio de Janeiro, por uma questão eminentemente ideológica, mas que na minha visão foi de burrice, porque o dinheiro era do governo federal", afirmou Lula, referindo-se à gestão de César Maia, que também é do Democratas.

No discurso durante a audiência ao Conselho Nacional da Juventude, no Centro Cultural Banco do Brasil, Lula voltou falou sobre a imprensa. Ao destacar a "pequena revolução" na área de ciência e tecnologia, Lula disse que o avanço não foi divulgado pela imprensa. "Não saiu na imprensa e não é porque a imprensa seja contra nós, não. A imprensa de mim gosta muito. É que às vezes notícia boa não tem importância. Não saiu".

Sobre a legislação eleitoral Lula falou que não poderia citar os deputados presentes, porque a lei proíbe. "Na verdade a culpa é deles que fizeram a lei, não é nossa. Não sei como alguém faz uma lei que proíbe citar seu nome", disse.
.

Um comentário:

Urban Projovem by Teacher Helena disse...

Bem, na verdade eu não sei se o pior é negar um projeto de inclusão como o projovem ou aceitá-lo e não levá-lo a sério.
Eu vivenciei o projeto enquanto educadora. Me comprometi, me doei e fui dispensada sem uma razão plausível enquanto alguns educadores descompromissados ficaram simplesmente por fazerem parte de um grupo político .
Então eu penso: o projovem existe para dar oportunidade a quem?

Clicky Web Analytics